31 de mai de 2007

NAVEGA NAS RUGAS DO MEU ROSTO


Navega nas rugas do meu rosto
percorre bem os seus sulcos
e colhe o sal depositado.

Declama mais uma vez
os sonetos impostores
e volta as costas para norte.

Aguarda a chegada
dos vendedores de ilusões
e parte sem remorso.

Segue para sul
e não olhes para trás
não ficou nada de ti.

Atit Ordep

Foto de Bart

Nenhum comentário: