11 de jan de 2009

A MINHA SAUDADE...


Tem dias em que a saudade
bate tão forte...
Que chega a doer o peito,
o coração, a alma...
Inútil querer segurar as lágrimas...
E como não há outro jeito,
busco forças nas lembranças...
E depois de tantos encontros
no meu pensamento,
a dor vai passando
e vem a calma...
Esse amor que me faz
tanto bem nuns dias,
noutros faz tanto mal...
Já não me pergunto mais
o por que de tanto amor...
Não encontro respostas...
.

Suely Ribella ©

Nenhum comentário: