13 de jan de 2008

CONSTRANGIMENTO


constrangimento
é o que sinto
pela falta de talento.

esta peça em cena
neste teatro perto de mim
nada deve à inspiração.

maus actores
e uma história vulgar
não auguram grande êxito
nas bilheteiras
ou na minha carreira
de comediante inacabado.

sem dramatismos
retiro esta maquilhagem
e os excessos de linguagem corporal.

vou representar este papel
sem envergonhar meus professores
coloco bem a voz
e à boca de cena
falo de pequenas coisas
sem importância, ninharias
nada que perturbe
a paz de espírito do público.

conto a história de uma vida alheia
com uns gestos teatrais
e uma lágrima no canto de olho.

ouvem-se aplausos
milhões de pessoas
não reconheceram uma história
que era igual à sua.

Atit Ordep

Foto de Kazuo Okubo

Nenhum comentário: