29 de dez de 2011

BEIJOS

Da vida,
o beijo espero,
não desespero,
não sou escolhida,
aguardo,
me resguardo...

Da morte,
o beijo aguardo,
não me guardo,
alguma sorte
e ela vem...
Amém...
.
Suely Ribella ©

Um comentário:

Ketlen disse...

Boa sorte com seu blog...é maravilhoso