5 de jan de 2013

Tu lá em cima



Tu lá em cima

obrigado
tu que lá de cima
puxas os cordéis da marionete
que dança desengonçada
obrigado
pelo palco da vida
e pela audiência calorosa
que aplaude o meu espectáculo
obrigado
pelos caminhos que escolheste
para eu trilhar
obrigado
por me dares a mão
nos dias de inverno

que mais te posso dizer
és o encenador de maior sucesso
neste emocionante espectáculo da vida
que mais te posso dizer
senão obrigado

Atit Ordep

Um comentário:

Mariza C C. Cezar disse...

Tambem estive por aqui e gostei muito do que vi e do que li! Voltarei sempre! Mariza