9 de jul de 2007

AMOR PERFEITO


Eu queria que a vida me desse
alguém que gostasse de mim
de verdade, sem interesses,
que se preocupasse comigo
e quisesse meu bem estar...
que cuidasse de mim, me ouvisse,
comigo conversasse, sorrisse,
cantasse pra mim, brincasse...
Alguém que gostasse
de coisas que eu gosto,
que quisesse namorar,
dividir, partilhar coisas comuns,
problemas, alegrias... momentos...
adivinhar pensamentos...
Alguém que soubesse desenhar,
pintar, escrever, fazer versos...
Queria um artista, um poeta...
Queria receber
uma declaração de amor
diferente a cada dia...
Queria me sentir amada...
E porque eu queria tanto,
não tenho nada...
.

Suely Ribella ©

4 comentários:

*izil* disse...

conheço um principe encantado, posso te apresentar, mas as vezes ele vira um lobo mau...eheheh

Valderez de Barros disse...

Sue, será que existe alguém do jeito que sonhamos??? Alguém que pense e sinta como nós, mulheres românticas??? Na verdade, é como dizes:" Porque eu queria tanto, não tenho nada".Amei teu poema!!! Também quero alguém assim...rsrsrs...
Não soube fazer um comentário ferino, querida, portanto, vai esse mesmo, com muito carinho!!! Beijão!!!

Crónica disse...

Acredito que exista a metade perfeita que te faça tudo isso
que te de amor, que te faça sentir uma raínha...
eu encontrei a minha metade perfeita...
mas a vida não quer que fiquemos juntos.
Mas tenho fé que tu encontres sim o teu amor, a tua metade, nas tantas já até encontraste está bem ao teu lado e nem reparaste.
Jinhu Crónico

Roberto disse...

Nem é tanto o que vc quer. Olhe em volta. Bjs, Bella! Bom sábado, bom domingo!