5 de jul de 2007

PALHAÇO


Muitas vezes me sinto qual palhaço,
o coração partido e até sangrando,
respiro fundo, não mostro cansaço,
vou pela vida a todos enganando...

Os meus problemas devo resolver,
tendo amargura ou tristeza em mim,
me faço forte, logo, pra esconder,
o palhaço é alguém que vive assim.

Dele, esperam alegria, brincadeiras,
plateias querem rir, sem choradeiras,

e assim, vamos tentando disfarçar.

Ele no picadeiro, e eu pela vida,
prontos a atender, sempre animar,
vivo assim, de palhaço travestida...
.

Suely Ribella ©

5 comentários:

AcidoCloridrix disse...

Após as 7 maravilhas,,,, e num apelo para tornarmos este mundo mais maravilhoso de se viver nele, iniciamos uma classificação, com vista a votação final sobre as “7 Desgraças do Mundo” (A Combater e A Erradicar). Convido pois a participar na 1ª fase da votação,,,, a decorrer em: http://sexohumorprazer.blogspot.com/2007/07/7-desgraas-do-mundo-combater-e.html
Obrigado,,,,e por um Mundo Mais Maravilhoso,,,, HCL

Giovanny disse...

Lindo! essa comparação é perfeita, se encaixa em muitos de nós. Parabens pelo soneto. Giovanny

Celia disse...

Estou conhecendo teus poemas, só hj... nossa! são lindos! Bjs nessa alma de poeta!!!

Luiz Alberto Machado disse...

Nossa! Maravilhosíssimo o espaço de vocês, parabens. Vou indicar nas minhas páginas.
Não deixe de ver meus clipezinhos poéticos & musicais no http://www.youtube.com/luizalbertomachado
http://vimeo.com/user217158
e no
http://www.myspace.com/luizalbertomachado
Beijabrações & tataritaritatá!
www.luizalbertomachado.com.br
PS: E vem aí a atualização do Guia de Poesia. E o meu livro "Crônica de amor por ela", que será lançado em breve, para ter uma idéia do seu conteúdo acesse os BLOGS da minha home page.

Diva disse...

Perfeito. Demasiado...
Bjs meus