7 de jul de 2007

SEMI-DEUS


Te imaginei perfeito
Um semi-Deus
Te quis,
sem ao menos te conhecer
Te julguei ideal
Te encontrei real
Não quis ver teu limite,
não pensei que tivestes
Mas te descobri limitado,
imperfeito
Dentro das normas e padrões
Decepcionei-me
Acordei
Achei-te fraco
Fraco não por me desiludir
Fraco por ser uma desilusão

.
Ferina *izil*
foto de Paulo Cesar

3 comentários:

José Mario disse...

Adorei seu blog, suas feras, as poesias ferinas, parabéns pelo blog, está otimo

Carmem Aliança disse...

Parabéns pelo seu blog, ele é lindo, bem organizado, amei

Henrique Correia disse...

Estive e tentar ler os poemas do italiano. Não há ninguém que traduza aquilo? olha, acho que ele estás apaixonado por ti. É melhor começares a aprender a língua dos romanos.