30 de nov de 2008

CHUVENDO AQUI DENTRO



Eu vejo um dia aberto

Acolhedor, esplêndido


E eu me pergunto


Por que seu coração


Insiste estar doendo


Qual o motivo da chuva


Que no seu rosto vai descendo?



(Ferina* Karolina B)

4 comentários:

Juan disse...

Karolina

Esos interrogantes
algunas veces tienen respuesta
en la lluvia de la cara
y en el dolor del corazón.

Un abrazo.

Juan Antonio

Dd ^^ disse...

Oi Karol... que lindo... sabe, as vezes me pergunto porque escorrem?

Um beijo imenso...

Dd ^^

ma disse...

Lindo, chegando aqui pleo blog da Dd!!!
Adorei, vou voltar!!!!

Ferina*izil* disse...

Lindo Carol, você realmente é uma poeta (e escritora) nata....
Adoro suas escritas...
Abraços
izil