3 de mar de 2009

IMPRUDÊNCIA


Tive medo e não deixei
que me amasses,
tive medo,
e a morrer fiquei.
.
Suely Ribella ©

2 comentários:

Aqui - Ali - Acolá disse...

Talvez um pouco complicado este pequeno poema que muito diz.

Interpreto-o assim:
O medo de amar, mas que se ama, faz-nos por vezes ter um medo que depois se fica com um remorso dentro de nós.

Queremos amar alguém, mas esse alguém querendo-nos amar não deixamos que isso aconteça porque existe dois medos.

O medo de nos amarem e o medo com que ficamos depois de não deixar-mos amar quem nos ama.

Complicado né?..Mas nas entrelinhas está aqui toda a discriminação deste complicado pequeno, mas grande poema.

bjos...

yes1 disse...

AV,無碼,a片免費看,自拍貼圖,伊莉,微風論壇,成人聊天室,成人電影,成人文學,成人貼圖區,成人網站,一葉情貼圖片區,色情漫畫,言情小說,情色論壇,臺灣情色網,色情影片,色情,成人影城,080視訊聊天室,a片,A漫,h漫,麗的色遊戲,同志色教館,AV女優,SEX,咆哮小老鼠,85cc免費影片,正妹牆,ut聊天室,豆豆聊天室,聊天室,情色小說,aio,成人,微風成人,做愛,成人貼圖,18成人,嘟嘟成人網,aio交友愛情館,情色文學,色情小說,色情網站,情色,A片下載,嘟嘟情人色網,成人影片,成人圖片,成人文章,成人小說,成人漫畫,視訊聊天室,性愛,a片,AV女優,聊天室,情色