31 de jul de 2013

O MUNDO É DO CAÇADOR



depois de ver
um coração
perdido
correr ferido
e o grito
"Mata! Mata!"
ele pulsando
pulsa, pulsa
partido como folha
geme, ais, ais, ais
mas corre
passadas, vem e vem
ferrão e faca
vermelho e verde
escorre na estrada
a natureza morre
Ele devasta
persegue, e pensa
"Mata! Mata!"
o coração ferido
geme, ais, ais, ais
o mundo é do caçador
enquanto as passadas
vem e vem
a natureza morre nele
e o caçador promete
afligir a presa
que mesmo ferida
pulsa, pulsa
vive mais
corre mais
e vai chegar
ainda assim
(e mesmo assim)
ao próximo coração

Ferina * Karolina B

Nenhum comentário: