26 de mai de 2007

PEDÁGIO


Sempre paguei pedágio
querendo ir adiante...
paguei taxas, tarifas,
paguei todas as alíquotas
que impuseram a mim...
paguei todos os impostos
na ilusão de ser feliz...
paguei multas indevidas,
paguei juros, dei gorjeta...
E mesmo assim,
a vida não me deixou passar,
para além do arco-íris...
.
Suely Ribella ©

Um comentário:

Roberto disse...

Além do arco íris não está a felicidade e sim a morte. Não queira ir. Bj.