9 de ago de 2007

DIFÍCIL



Difícil falar de amor
quando não é pra você...
Difícil fazer um poema
quando não é pra você...
Difícil pensar em alguém
que não seja você...
Difícil gostar de outro
como eu gosto de você...
Difícil desejar
outro corpo para amar...
Difícil sentir por outro
tudo o que sinto por você...
Difícil imaginar
outro em seu lugar...
Difícil trocar você
por quem quer que seja...
.
Suely Ribella ©

Um comentário:

AcidoCloridrix disse...

COMO É DIFÍCIL!


Morreu um sonho
quem se habilita a carregar os restos mortais?
Será que morreu?
Foi ferido gravemente,
E os pontos são entregues, rapidamente
Tenho a alma pesada
É difícil admitir o fracasso
Mas alguém lutou,
Algum coração sangrou, até o limite possível
Para tentar reanimar
O coração querendo parar?
Mais fácil é jogar a toalha
Chutar o balde
E sem alarde
Cada um pro seu lado
Nada pra ser guardado?
Triste
Temos tanto potencial
Tanto sorriso
Tantas coisas a compartilhar
Porque deixar isso tudo dentro do peito
Represado, escondido, guardado
Dói muito a morte de um sonho
De uma alegria compartilhada
De amizades naufragadas
Almas magoadas
E porque?
Por medo de ousar
Medo de se expor
Medo de tentar compor
Uma maneira simples de espalhar amor
E amizade
E o que restará
Será a sempre e boa saudade!!!